Educação Tecnológica em tempos de pandemia

Educação Tecnológica em tempos de pandemia

O computador e os dispositivos móveis hoje se tornaram indispensáveis para a imersão dos estudantes em um ambiente escolar virtual, em que a sala de aula se ressignificou para dentro dos ambientes das casas de todo o mundo.

Os cadernos foram substituídos por editores de texto e os recursos digitais passaram a fazer parte da rotina de todos. Mas e os estudantes que ainda não dispõem de habilidades na utilização de ferramentas e recursos digitais? Como o professor deve proceder?

É importante tentar entender a realidade de cada turma, mas o fato é que de alguma forma os estudantes já tiveram algum tipo de contato com as redes sociais. Sendo assim, o professor poderá estabelecer qual será a forma de comunicação mais adequada ao seu grupo e a partir disto criar seu ambiente virtual de ensino e aprendizagem.

Com um canal de comunicação estabelecido, o professor poderá estabelecer um contato mais direto com sua turma e organizar a forma com que trabalharão os conteúdos.

E você, professor de tecnologia, que utiliza ou pretende utilizar os materiais didáticos de Educação Tecnológica da Editora Krieduc, veja a seguir algumas orientações de como trabalhar os seus conteúdos nesse novo formato de ensino:

1 – A disciplina de Educação Tecnológica deverá ser trabalhada da mesma forma que as demais disciplinas da grade comum. É preciso ter comprometimento.

2 – Você, professor, pode e deve fazer uso do planejamento anual. Ele será o seu norteador para a distribuição dos conteúdos em cada aula. Para que não sobre e não também não falte conteúdo demais ao final do ano letivo.

3 – A videoconferência pode ser um bom caminho para a abertura das aulas. Nesse momento você poderá fazer a leitura dos conteúdos abordados no livro de Educação Tecnológica, fazer uma breve explicação sobre o assunto e abrir uma janela de perguntas para que os estudantes possam esclarecer dúvidas.

4 – Se você optar por realizar suas aulas a partir de videoconferência, é muito importante estabelecer um cronograma de aulas com dias e horários para que dessa forma os estudantes estejam on-line nos dias predefinidos.

5 – As respostas das atividades encontradas no final de cada capítulo poderão ser digitadas em qualquer editor de texto, salvas com o nome do estudante e enviadas para o seu e-mail.

6 – As aulas de Educação Tecnológica também trabalham o manuseio de softwares a partir de atividades normalmente interdisciplinares. Para essas aulas, você poderá fazer uma breve introdução do software com informações importantes como: download, instalação e principais ferramentas e recursos do software trabalhado.

7 – A introdução ao software poderá ser realizada através de videoconferência com a tela compartilhada para que os estudantes possam acompanhar e visualizar os detalhes que serão destacados.

8 – Você também poderá criar pequenos vídeos capturando a tela do seu monitor para mostrar o passo a passo dos detalhes e posteriormente compartilhar com sua turma em seu ambiente virtual.

9 – Os livros de Educação Tecnológica normalmente explicam passo a passo como será o processo de desenvolvimento das atividades no software, então não se preocupe em ficar dando detalhes de como realizar a tarefa. Apenas contextualize o que será trabalhado e deixe que os estudantes te surpreendam com os resultados.

10 – Ao final das atividades práticas, apenas oriente para que os estudantes salvem e enviem o arquivo finalizado. Dessa forma você poderá verificar o desempenho e entender onde estão as maiores dificuldades.

Lembre-se: quando os estudantes têm a oportunidade de participar das aulas de Educação Tecnológica são apresentados a um mundo de possibilidades que vai muito além da disciplina, incentive proponha descobertas, ouça, dê espaço para uma aprendizagem colaborativa e significativa.

Posts relacionadas


Cultura Digital: a 5ª Competência da BNCC

Cultura Digital: a 5ª Competência da BNCC


Confira o post
Confira o post

Saúde x Uso do computador


Confira o post
Confira o post
Férias! Como controlar o uso do computador

Férias! Como controlar o uso do computador


Confira o post
Confira o post

Incentive as crianças a não revelar senhas


Confira o post
Confira o post